Sexta-Feira, 22 de Setembro de 2017


EXPOSIÇÃO ITINERANTE DA XIX MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA E PRÊMIO ZÉLIA MAIA NOBRE 2015

EXPOSIÇÃO ITINERANTE DA XIX MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA
E PRÊMIO ZÉLIA MAIA NOBRE 2015

.

Acontece até outubro de 2016 a Exposição da XIX Mostra de Arquitetura Alagoana
promovida pelo Instituto de Arquitetos do Brasil, Departamento Alagoas (IAB/AL),
em parceria com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Alagoas (CAU/AL).

.

A mostra, que funcionará de forma itinerante, passará pelas cinco faculdades de Arquitetura e Urbanismo de Alagoas
e teve início na sede do Centro Universitário Tiradentes (Unit), localizado no bairro de Cruz das Almas.

A ação também contempla a exposição dos vencedores da primeira edição
do Prêmio Excelência em Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação em Arquitetura e Urbanismo – Prêmio Zélia Maia Nobre,
organizado pelo CAU/AL e apresentado quando da comemoração ao Dia do Arquiteto 2015.

Até o dia 12 de agosto os visitantes puderam conferir de perto, no hall do Bloco D da UNIT,
diferentes formas de se enxergar a arquitetura, subdivididas em oito categorias.

mostra2

Foto 1: Exposição na UNIT – FITS.
Fonte: IAB/AL

.

A Mostra de Arquitetura Alagoana apresenta trabalhos de Edificação Residencial Unifamiliar; Edificação Residencial Multifamiliar;
Edificação Comercial/Serviços; Edificação Pública ou Institucional e Edificação de Interiores Residencial.
Além destas categorias, Projeto Urbanístico e Projeto de Paisagismo também compõem a exposição.

.

Após passar pela UNIT, a XIX Mostra de Arquitetura seguiu para o CESMAC, onde ficará exposta até o dia 26/08/2016,
quando será transferida para a Faculdade de Tecnologia de Alagoas (FAT) e em seguida para a Faculdade Maurício de Nassau.
Ela deverá passar, ainda, pela Universidade Federal de Alagoas (unidades Maceió e Arapiraca).

.

amostra-cesmac

 Foto 1: Exposição no CESMAC.
Fonte: IAB/AL


HONRAS FÚNEBRES – O IAB/AL lamenta profundamente o falecimento do saudoso Arq. German Suarez Betancourth – COLOMBIA‏

HONRAS FÚNEBRES

.

O IAB/AL lamenta profundamente o falecimento do saudoso Arq. German Suarez Betancourth.

Atuante, premiado, bem humorado e extremamente solicito e receptivo,

German foi personagem importante para nossa entidade ao longo dos 4 anos de preparação

para o XXIV Congresso Panamericano de Arquitectos, realizado pelo IAB/AL, em Maceió/AL, em novembro/2012.

Sempre nos motivando e instruindo, contribuiu bastante para a construção de um grande evento para a FPAA.

“O mundo se despede de uma pessoa iluminada e feliz…tenho muito a agradecer por seu acolhimento!”,

destaca Arq. Rafael Tavares, Presidente do IAB/AL.

.

Abaixo, mensagem da Sociedad Colombiana de Arquitectos SCA

comunicando sobre o falecimento e prestando sua justa homenagem.

.

.

La Sociedad Colombiana de Arquitectos SCA – Lamenta profundamente informarles

el fallecimiento del colega y amigo Arq. German Suarez Betancourth,

extendemos nuestro saludo de solidaridad a sus familiares y amigos.

.

Adjuntamos una breve reseña de su destacada hoja de vida

que queremos compartir con ustedes, destacamos sus cualidades humanas y profesionales;

.

Homenaje Arq German Suarez

.

German nos harás muchas falta.

 .

Honras Fúnebres

 .

Velación Funeraria Gaviria Sede Norte

Sala: 6

Dirección: CALLE 98 N° 17A-20

 .

 .

Cordial Saludo,

FLAVIO E. ROMERO FRIERI
Presidente Nacional

SOCIEDAD COLOMBIANA DE ARQUITECTOS SCA

Dirección: Carrera 6 No. 26 B 85 / Piso 11 Bogotá, D.C. – Colombia
E-mail: asis.presidencia@sca-pn.org
Teléfono: (571) 350 9922 // Cel:3123502866
www.sociedadcolombianadearquitectos.org


CONFIRA OS PREMIADOS NA XIX MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA E XII PREMIAÇÃO ANUAL DO IAB/AL! Inscreva-se já!

CONFIRA OS PREMIADOS NA

XIX MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA E XII PREMIAÇÃO ANUAL DO IAB/AL!

.

CLIQUE AQUI!

.

.

.

.

Veja o Edital completo clicando AQUI

.

Veja a ERRATA 01 de Prorrogação das Inscrições clicando AQUI

.

Veja a ERRATA 02 de correção de texto do edital (Este edital não contempla estudantes) clicando AQUI

.

.

.


SUCESSO DO IAB NA FEICON NORDESTE 2015!

.

.

PARCERIA DE SUCESSO: 
ESTANDE DO IAB NA FEICON NORDESTE 2015
.
.
A parceria entre o IAB e a Reed Alcantara (organizadora da FEICON e FEICON Nordeste),
rende seu segundo ano de sucesso!
.
Com iniciativa a partir do IAB/AL,
em 2015 montamos uma parceria ainda maior,
contando com a participação do IAB/PE, IAB/PB e IAB/BA
e contando com um estande de 30,00 m2,
além de dois espaços para produção de conteúdo na Ilha do Conhecimento,
onde desenvolvemos dois debates públicos:
.
“Arquitetura é Cultura”
.
“Qualidade do Projeto de Arquitetura”
.
.
Parceria Principal:
IPOG – Instituto de Pós-graduação
.
.
.
.
.
.
.

Instituto de Arquitetos do Brasil
Departamento de Alagoas


IAB/AL SE MANIFESTA A FAVOR DA IMPLANTAÇÃO DA CICLOFAIXA NA AV. DEP. JOSÉ LAGES!!!
Não há cidade sem movimento. Afinal, as pessoas precisam se deslocar pelo espaço urbano para exercerem suas atividades sociais como estudar, trabalhar, comprar, vender, encontrar e se divertir. Sendo assim, a mobilidade urbana cumpre um papel fundamental na viabilidade das cidades e na qualidade de vida de seus cidadãos.
E é justamente sobre ela que se encontra concentrada uma das maiores tensões sociais da contemporaneidade: de um lado, uma cultura consolidada de valorização do transporte individual motorizado e de outro um movimento cada vez mais forte de inversão de valores e mudança de paradigmas, que luta por cidades mais democráticas e mais humanas.
Urbanização espraiada, fragmentação espacial e exclusão social são alguns dos efeitos do modelo de cidade que estamos construindo. Cidades cada vez maiores e mais problemáticas, onde os engarrafamentos, a poluição e os acidentes de trânsito parecem ser parte intrínseca e irremediável da mobilidade. Mas não tem que ser assim. Não deve ser assim.
A priorização do transporte público coletivo e dos meios não motorizados é uma unanimidade entre as cidades que conseguiram resolver consideravelmente os problemas relacionados às dificuldades de deslocamento no espaço urbano. No Brasil, ela é amparada por uma diversidade de marcos legais como o Estatuto da Cidade e a Política Nacional de Mobilidade Urbana.
É neste contexto que se mostram tão importantes os investimentos em corredores de ônibus, modos de transporte sobre trilhos e melhoria da infraestrutura para pedestres e ciclistas, no intuito de valorizar os modais de transporte que são estrategicamente mais inteligentes para a cidade, do ponto de vista da mobilidade, da economia, da saúde e da democratização do espaço público.
Em Maceió, ainda estamos longe do cenário ideal, mas algumas ações tem sido realizadas neste sentido. A ciclofaixa da Rua Deputado José Lages, cujas obras foram recém obstruídas por ordem judicial, é um símbolo da priorização dos meios não-motorizados sobre os motorizados e pode representar um marco na mudança de paradigma que tanto necessitamos.
Desta forma, o Instituto dos Arquitetos do Brasil, departamento de Alagoas – IAB-AL, vem apoiar os movimentos que organizam e participam do ato a favor da implantação da Ciclofaixa na Av. Dep. José Lages, entendendo que esta é uma manifestação legítima na luta por uma cidade mais justa, inclusiva e sustentável para todas e para todos.
.
.
Instituto de Arquitetos do Brasil
Departamento de Alagoas
www.iabal.com.br

IAB DIVULGA POSICIONAMENTO SOBRE AS MANIFESTAÇÕES NO PAÍS: O IAB E A CONJUNTURA BRASILEIRA

 

  

O Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), entidade de representação dos arquitetos e urbanistas brasileiros, com 94 anos de história, constituída em todos os Estados da Federação e um dos responsáveis pelas propostas de Reforma Urbana, reafirma, no contexto do momento político brasileiro, seu compromisso histórico com as instituições democráticas e republicanas, o Direito à Cidade, e o bem-estar do povo brasileiro.

O IAB apoia e se solidariza com as iniciativas que visam ampliar conquistas sociais, qualificar a representação política, a transparência nos gastos públicos e a construção de uma cidade mais justa e democrática. Também rechaça enfaticamente quaisquer vozes golpistas. Defendemos a apuração ampla das ocorrências de corrupção e a punição de todos os responsáveis pelos malfeitos, independentemente de sua origem partidária, pública e privada.

O IAB afirma que um dos fatores que determinaram a atual situação do país é a ausência de Planejamento e de Projetos completos, o que estimula a corrupção, aumenta custos de execução e resulta em obras de baixa qualidade.

Os Planos e Projetos devem ser vistos como instrumentos de ampliação da transparência.

Quando a obra pública é licitada a partir apenas do chamado “projeto básico”, ou apenas com uma planilha financeira, transfere-se, à construtora vencedora da licitação, a tarefa de detalhar e completar o projeto. Tal promiscuidade é indutora de reajustes e superfaturamento, e fator estimulante da corrupção.

Assim, o Instituto de Arquitetos do Brasil reafirma a sua convicção no valor das instituições estáveis e democráticas, condição indispensável para garantir aos cidadãos brasileiros e para alcançar o desenvolvimento, a inclusão social e o bem-estar da população.

João Pessoa, 30 de março de 2015.

A Direção Nacional do Instituto de Arquitetos do Brasil 

Para baixar o documento em PDF, clique aqui


RELEMBRE O DOCUMENTO ENTREGUE EM 2012 À PRESIDENTA DILMA ROUSSEF, COM PROPOSIÇÕES PARA MELHORIA DA POLÍTICA HABITACIONAL BRASILEIRA, COM ÊNFASE NO PROGRAMA MINHA CASA, MINHA VIDA! CONFIRA!

O IAB RELEMBRA DOCUMENTO ENTREGUE EM 2012 À PRESIDENTA DILMA ROUSSEF, COM PROPOSIÇÕES PARA MELHORIA DA POLÍTICA HABITACIONAL BRASILEIRA, COM ÊNFASE NO PROGRAMA MINHA CASA, MINHA VIDA! CONFIRA!

 

 

 

O Desenho da Casa Brasileira – entrega de manifestação do IAB no Palácio do Planalto

Brasília, 25 de Maio de 2012

CARTA 2012 – IAB 10/12

Exma. Sra. Dilma Roussef
Presidente da República Federativa do Brasil
Nesta

Sra. Presidente,

Ao cumprimentar V. Exa., o Instituto de Arquitetos do Brasil, IAB, entidade cultural quase centenária, que propugna pela qualidade da arquitetura e do urbanismo no país, vem, respeitosamente, encaminhar o documento “Propostas do IAB para a Política Habitacional Brasileira”, manifestando o entendimento do Instituto sobre o Programa de Governo  Minha Casa Minha Vida, com recomendações que visam à melhor qualidade da população brasileira.

Através do seu Grupo de Trabalho “Habitação de Interesse Social”, o IAB, com a participação de diversos Departamentos e com a colaboração de instituições de ensino superior, dos movimentos sociais e de outras entidades de classe, se dispõe a contribuir, de forma propositiva e contínua, para o aprimoramento da política habitacional brasileira, e solicita espaço efetivo para que estas contribuições possam ser discutidas nas instancias responsáveis pela definição deste novo desenho dessa política.

O IAB se coloca pronto a contribuir ativamente para o aprimoramento do PMCMV, no sentido de reforçar a ARQUITETURA e o URBANISMO como instrumentos de melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

Respeitosamente,

Gilson Paranhos
Presidente – IAB 2010/2012

PROPOSTAS DO IAB PARA A POLÍTICA HABITACIONAL BRASILEIRA

O Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) promoveu o Simpósio “O Desenho da Casa Brasileira”, sobre o Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV), através de encontros regionais realizados pelos seus Departamentos, com a participação de arquitetos e urbanistas, engenheiros, economistas, o poder público, professores e universitários, lideranças dos movimentos sociais e empresários da construção civil. Como resultado dessas discussões, o Conselho Superior do IAB, em sua 139ª Reunião, delibera encaminhar às autoridades a seguinte Recomendação:

A. Considerando:
• Que o Governo Federal manifesta, através do PMCMV, a disposição de enfrentar o déficit habitacional brasileiro, direcionando pesados investimentos na construção de habitação de interesse social;

• Que o PMCMV pretende construir, até 2014, um total de 3,4 milhões de unidades habitacionais, que irão contemplar cerca de 10% da população brasileira, com recursos da ordem de R$ 5,1 bilhões somente no primeiro trimestre de 2012, aquecendo o setor da construção civil, criando empregos e dinamizando a economia;

• Que passaram três anos desde o lançamento do PMCMV, o que já permite realizar avaliações pós-ocupacionais dos primeiros empreendimentos construídos de acordo com as rígidas regras deste programa, identificando qualidades, problemas, limites e potencialidades;

• A importância de dar continuidade à política de eliminação do déficit habitacional brasileiro, que, pela primeira vez, tem garantido, através de subsídios estatais, que milhões de famílias tenham uma moradia digna;

A. O IAB entende:
• Que as ações públicas em habitação de interesse social pressupõem a articulação de diversos agentes, tais como empresas de projeto e construção (de grande, médio e pequeno porte), agentes públicos, movimentos sociais, universidades e entidades profissionais, dentre outros;

• Que a ação pública em habitação de interesse social deve se dar de forma abrangente e diversificada, envolvendo formatos e possibilidades diferenciadas, nos quais a pesquisa continuada, a inovação, a assistência técnica, o acompanhamento e o monitoramento de processos tenham espaço garantido;

• Que há uma diversidade cultural, social, econômica, tecnológica, paisagística e climática no território brasileiro, assim como múltiplas composições familiares a serem atendidas pelo PMCMV, que inclui ainda a habitação de interesse social nas zonas rurais, com suas singularidades;

• Que a política habitacional brasileira em vigor tem promovido à construção de empreendimentos sem continuidade com a cidade existente e desprovidos de equipamentos comuns e espaços de convivência, comprometendo a sociabilidade urbana e dificultando a vida dos seus moradores, que muitas vezes viviam, anteriormente, de trabalhos dependentes da dinâmica urbana inerente à cidade consolidada;

• Que, no caso dos empreendimentos implantados em áreas periféricas desprovidas de infraestrutura, caberá ao poder público financiá-la, bem como prover os equipamentos públicos básicos, o que implica vultosos investimentos;

• Que essa produção transforma, em larga escala, curto período de tempo e de modo definitivo, as cidades e o território brasileiros;

• Que o projeto arquitetônico e urbanístico de qualidade é fundamental na produção de habitação de interesse social, devendo ser valorizado pelas políticas públicas;

• Que o volume de recursos que ora está sendo aplicado cria oportunidades de qualificação das cidades brasileiras, no sentido da configuração de um tecido urbano sustentável, sob os aspectos sociais, ambientais e econômicos.

B. O IAB propõe:
• Que os diversos programas que compõem a política habitacional brasileira, incluindo o PMCMV, se articulem com o Estatuto da Cidade, com o Plano Nacional de Habitação (PlanHab) do Ministério das Cidades, com os Planos Diretores e com os demais programas e políticas urbanas desenvolvidas pelo Estado, especialmente no que se refere à oferta de infraestrutura e equipamentos públicos nas proximidades dos empreendimentos;

• Que a política habitacional brasileira, incluindo o PMCMV, seja continuamente avaliada pelas instâncias consolidadas de regulação e controle social, como o Conselho das Cidades;

• Que a política habitacional brasileira se baseie na diversificação de formatos e soluções, em todos os sentidos, incluindo habitações de dimensões e tipologias diversas, que contemplem, com soluções projetuais variadas, as distintas composições familiares, assim como habitações específicas para as áreas rurais, que deem conta das singularidades decorrentes da intrínseca relação entre espaço de trabalho e espaço de moradias existentes;

• Que devem ser criados indicadores de projeto que qualifiquem a produção habitacional de interesse social no Brasil, através da avaliação de aspectos como proximidade de equipamentos urbanos (escolas, saúde, lazer e comércio), acessibilidade e mobilidade, adequação à topografia, oferta de equipamentos comuns e espaços de convivência como parte do empreendimento, conforto ambiental, dimensionamento e agenciamento espacial, diversidade tipológica e de usos e possibilidade de ampliação da unidade habitacional, dentre outros;

• Que a política habitacional brasileira inclua programas voltados à requalificação e adaptação de edificações desocupadas ou subutilizadas localizadas em áreas urbanas centrais; dentre outras ações, podem ser feitas articulações com a Secretaria de Patrimônio da União no sentido de utilizar alguns dos milhares de imóveis não operacionais de propriedade da Rede Ferroviária Federal S.A., que se encontram em processo de inventário;

• Que, através da efetiva implementação da Lei Federal nº 11.888/2008, voltada a assegurar às famílias de baixa renda assistência técnica pública e gratuita para o projeto e construção de habitação de interesse social, a política habitacional brasileira passe a incluir programas voltados à regularização fundiária e reurbanização de assentamentos precários e, simultaneamente, fortaleça o PMCMV – Entidades, subsidiando a contratação de projetos arquitetônicos e urbanos;

• Que o processo de ocupação de novos empreendimentos habitacionais de interesse social executados com recursos do Governo Federal seja acompanhado e facilitado por ações voltadas à inserção física e social de suas populações nessas novas áreas;

Através do seu Grupo de Trabalho “Habitação de Interesse Social”, o IAB, com a participação de diversos Departamentos e com a colaboração de instituições de ensino superior, dos movimentos sociais e de outras entidades de classe, se dispõe a contribuir, de forma propositiva e contínua, para o aprimoramento da política habitacional brasileira, e solicita espaço efetivo para que estas contribuições possam ser discutidas nas instancias responsáveis pela definição deste novo desenho dessa política.

O IAB se coloca pronto a contribuir ativamente para o aprimoramento do PMCMV, no sentido de reforçar a ARQUITETURA e o URBANISMO como instrumentos de melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

Brasília, 25 de maio de 2012.


Nota de pesar: Faleceu Zezéu Ribeiro, um militante em defesa da reforma urbana!

Zezéu Ribeiro, um militante em defesa da reforma urbana

 .

 .
É com grande pesar que o IAB recebeu hoje a notícia do falecimento, aos 65 anos, do nosso colega José Eduardo Vieira Ribeiro, o nosso Zezéu Ribeiro. Ex-Presidente do IAB-BA (1977-1979), Zezéu foi vereador em Salvador por três legislaturas (1993-2003), Presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) na Bahia (1995-1999), membro do Diretório Nacional do PT (2001-2003) e Deputado Federal por três legislaturas (2002-2006, 2006-2010, 2010-2014). Entre 2011 e 2012, licenciou-se do mandato de Deputado Federal para assumir a Secretaria de Planejamento do Estado da Bahia (Seplan). Zezéu foi ainda candidato ao Senado Federal (1994) e ao Governo da Bahia (1998) pelo PT. Desde 2014 era Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA).

Desde a atuação no IAB-BA e ao longo de toda a sua trajetória política, o colega Zezéu sempre atuou em defesa da reforma urbana e da superação das desigualdades sociais. Na Câmara dos Deputados, Zezéu foi Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano e autor da Lei da Assistência para Moradia de Interesse Social (Lei nº 11.888/08), além de relator do Estatuto das Metrópoles (Lei nº 13.089/15), que estabelece as diretrizes para o planejamento das Regiões Metropolitanas, e da PEC 150/2003, que vincula 2% das receitas da União e 1% das receitas dos Estados e Municípios para a produção de moradias sociais.

Talvez como último legado de seu mandato na Câmara Federal, o projeto de lei do Estatuto das Metrópoles foi sancionado pela Presidente da República em janeiro deste ano.
Zezéu, ainda como deputado federal relator do Estatuto das Metrópoles, participou dos seminários Quitandinha+50, organizado pelo IAB, tendo presença relevante no encontro de encerramento, realizado em Petrópolis, Rio de Janeiro, em novembro de 2013.
O IAB se solidariza com a família de Zezéu Ribeiro, com o povo baiano e com todos os seus colegas arquitetos brasileiros – testemunhas de seu empenho e dedicação à causa da população do Brasil.
 .
26 de Fevereiro de 2015
 .
Sérgio Magalhães
Presidente Nacional do IAB
 .
Fabiana Izaga
Secretária Geral

CONFIRA OS VENCEDORES DA XVIII MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA! EVENTO REUNIU MAIS DE 130 PESSOAS!

SUCESSO TOTAL NAS COMEMORAÇÕES DO DIA DO ARQUITETO EM ALAGOAS

.

EVENTO DO IAB/AL, EM CO-REALIZAÇÃO COM O CAU/AL,

REUNIU DURANTE TODO O DIA E A NOITE, MAIS DE 130 PESSOAS!

.

 

.

.

COMEMORAÇÕES MARCAM O DIA DO ARQUITETO EM ALAGOAS

 

O Instituto dos Arquitetos do Brasil, Departamento Alagoas (IAB-AL), o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Alagoas (CAU/AL), a Braskem, e o Sebrae promoveram no dia 15 desse mês, em comemoração ao dia do Arquiteto, um amplo debate sobre a arquitetura e urbanismo em suas mais diversas áreas de atuação, destacando o papel fundamental desses profissionais na construção e manutenção de cidades mais salubres, democráticas e com maior qualidade de vida para seus usuários.

A programação contou com um Curso Completo sobre a Tabela Nacional de Honorários regulamentada pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil – CAU/BR, que foi ministrada pelo Arq. Odilo Almeida (IAB/CE) durante todo o dia, e contou ainda com uma palestra autoral com a premiada Arquiteta e Urbanista e Lighting Designer Neide Senzi, de São Paulo, bem como as Premiações da XVIII Mostra de Arquitetura Alagoana e XI Premiação Anual do IAB/AL, os resultados do II Prêmio Gentileza Urbana Maceió, o Prêmio Arquiteto do Ano 2014 e a exposição dos trabalhos vencedores do Concurso Casa PVC 2013.

O presidente do IAB-AL, Rafael Tavares, explica que a realização de novas iniciativas estimula os profissionais do setor na incorporação de projetos cada vez mais acessíveis e que utilizem novas tecnologias mais sustentáveis, como o PVC.”

Marco Aurelio Campelo, Gerente de Produção da PVC 2 AL, “ficamos felizes em poder proporcionar, em um dia significativo que é o dia do Arquiteto, reconhecimento aos profissionais que se destacaram ao longo do ano, e que trazem propostas que enfatizam questões ligadas ao desenvolvimento sustentável das cidades, à preservação do meio ambiente através de soluções criativas e inovadoras, visando o bem-estar humano.”

A ação contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Maceió, através da Secretaria Municipal de Planejamento e da Secretaria Municipal de Comunicação; da Universidade Tiradentes – UNIT; do Instituto Brasileiro de Cursos – INBEC; da SIX Propaganda; da Arquiteta Patrícia Ramalho e da Ibratin Tintas e Texturas.

Na ocasião, o IAB/AL também fez a entrega inédita do Prêmio Arquiteto do Ano 2014, ao Arq. Mariano Teixeira, pelo destaque na produção arquitetônica no território alagoano no ano corrente!

.

 .

.

.

.

.

.

.

CONFIRA OS PREMIADOS

DA XVIII MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA E XI PREMIAÇÃO ANUAL DO IAB/AL,

DO II PREMIO GENTILEZA URBANA MACEIÓ E DO PREMIO ARQUITETO DO ANO IAB/AL!!!

 .

XVIII MOSTRA DE ARQUITETURA ALAGOANA E XI PREMIAÇÃO ANUAL DO IAB/AL:

.

PREMIADOS

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO RESIDENCIAL UNIFAMILIAR

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Mario Aloisio Barreto Melo – CAU A1617-9

TITULO DO PROJETO

CASA NA GARÇA

Localização: Condomínio Morada da Garça, Bairro Garça Torta, Maceió, AL

DATA DO PROJETO

Execução 2014

EQUIPE

Sidcley Barros, CAU A53092-1

André Farias, CAU A38940-4

André Venceslau, CAU A44528-2

CONTATO:

(82) 3327.5050 – Av. Comendador Leão, 351, Jaraguá, Maceió/AL

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO RESIDENCIAL MULTIFAMILIAR

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Humberta Farias- CAU A4785-6

TITULO DO PROJETO

FRANCESCO GRANACCI

Localização: Pajuçara. Maceió/AL

DATA DO PROJETO

2011 – Em construção

EQUIPE

Tina Lyra Mafra – CAU

Tatiana Amaral – CAU A30650-9

CONTATO:

Humberta Farias - Av. Álvaro Otacílio, nº 2741, Apt° 604, Ponta Verde, Maceió/AL

(82) 9999-9882 – humbertafarias@gmail.com

Tina Lyra - Av. Alvaro Otacílio 2739, Ponta Verde, Maceió/AL

(82) 9999-2910 – tinalyramafra@gmail.com

Tatiana Amaral - Rua Dr. Antônio Cansanção, nº 515, sala 103, Maceió/AL

(82) 8806-0134 – tatianaamarall@gmail.com

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO COMERCIAL/SERVIÇOS

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Julia Gonçalves Tavares- CAU A4097-5

TITULO DO PROJETO

HOTEL PONTA VERDE – FRANCÊS

Localização: Marechal Deodoro/AL

DATA DO PROJETO

2013

CONTATO:

Rua Helio Pradines, N° 391, APT. 102

(82) 3337-1395 / (82)99614931 – arqjuliatavares@gmail.com

.

.

MENÇÕES HONROSAS

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO RESIDENCIAL UNIFAMILIAR

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Humberta Farias- CAU A4785-6 (AUTORA)

Filipe Farias- CAU A61673-7 (CO-AUTOR)

TITULO DO PROJETO

CONDOMÍNIO BANANEIRAS

Localização: São Miguel dos Campos/AL

DATA DO PROJETO

2013

EQUIPE

Camila Barros – CAU A88357-3

Jullyana Torres – CAU A63945-1

CONTATO:

Humberta Farias - Av. Álvaro Otacílio, nº 2741, Apt° 604, Ponta Verde, Maceió/AL

(82) 9999-9882 – humbertafarias@gmail.com

Filipe Farias - Av. Álvaro Otacílio, nº 2741, Apt° 604, Ponta Verde, Maceió/AL

(82) 9991-6996 – filipe.humbertafarias@gmail.com

Camila Barros - Rua Manoel Moura nº 35, Trapiche, Maceió/AL

(82) 8814-4438 – camila.humbertafarias@gmail.com

Jullyana Torres - Rua Luiz de Cerqueira Cotrim, nº 175, Pinheiro, Maceió/AL

(82) 9931-0382 – jullyana.humbertafarias@gmail.com

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO COMERCIAL/SERVIÇOS

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Julia Gonçalves Tavares- CAU A4097-5

TITULO DO PROJETO

ALAMBIQUE DA CACHAÇA CARAÇUÍPE

Localização: Campo Alegre/AL

DATA DO PROJETO

2011

CONTATO:

Rua Helio Pradines, N° 391, APT. 102

(82) 3337-1395 / (82)99614931 – arqjuliatavares@gmail.com

.

CATEGORIA EDIFICAÇÃO PÚBLICA OU INSTITUCIONAL

.

.

.

AUTORES DO PROJETO

Adriana Pacheco de Souza- CAU 134858-2 (AUTORA)

Ana Larissa Lima Calheiros- CAU A59423-7 (CO-AUTORA)

Isabella Silva de Oliveira- CAU A76759-0 (CO-AUTORA)

José Moura Amaral Filho- CAU 113352-7 (CO-AUTOR)

Nélia Nayra de Almeida Souza- CAU 150518-1 (CO-AUTORA)

TITULO DO PROJETO

CENTRO EDUCACIONAL DE PESQUISAS APLICADAS – CEPA UNIDADE BENEDITO BENTES

Localização: Avenida Benedito Bentes, Benedito Bentes, Maceió/AL

DATA DO PROJETO

2013 – 2014

EQUIPE

Camila Goetten Correia de Azevedo – Mat. 2009G1394 UFAL

Raissa Paloma Correia dos Santos – Mat. 2006G4662 UFAL

Yara Carvalho de Macedo – Mat. 2007G0197 UFAL

CONTATO:

Adriana Pacheco – Trav. Professor José da Silveira Camerino, Nº 46, Cond. Rapa Nui, Casa 19,

Pinheiro. Maceió/AL – (82) 3317-6137 – adrianapsouza@gmail.com

Ana Larissa Lima – Rua Humberto Guimarães, Nº 1137, Apto. 501, Ponta Verde. Maceió/AL

(54) 8116-1773 – larissa.calheiros@gmail.com

Isabella Silva – Rua Prefeito Abdon Arroxelas, Nº 58, Ponta Verde. Maceió/AL

(82) 9971-1480 – isabellasdo@hotmail.com

José Moura  Loteamento Jardim Santa Ana, Nº 186, Qd. A, Serraria. Maceió/AL

(82) 8739-3739 – jmaf2009@ig.com.br

Nélia Nayra De Almeida – Rua Des. Mário Guimarães, Nº 887, Poço. Maceió/AL

(82) 8834-1610 – nelia_nayra@hotmail.com

.

 .

II PRÊMIO GENTILEZA URBANA MACEIÓ

.

1º LUGAR

GENTILEZA: Todo Mês é Dezembro

Autor: Advogado Marcondes Costa

Apresentação

O projeto “Todo Mês é Dezembro” teve inicio em dezembro de 2011, quando alguns amigos se reuniram para o exercício da solidariedade humana.

Desde então uma vez por mês esse grupo, maior a cada dia, se reúne para levar um pouco de atenção e sorrisos àqueles menos favorecidos, que se acham à margem da sociedade e dos governos.

O projeto não tem vinculação institucional, partidária ou religiosa, sobrevivendo única e exclusivamente da ajuda e benevolência dos amigos. Geralmente o grupo se reúne nos dias de coleta de doações na Praça do Skate, na Ponta Verde, onde qualquer pode doar e acrescentar mais ao montante de sacolas que é acumulado na calçada da praça, antes de ir para famílias carentes.

Mais informações

https://www.facebook.com/todomesedezembro

http://instagram.com/todomesedezembro

http://globotv.globo.com/tv-gazeta-al/al-tv-1a-edicao/v/projeto-voluntario-tem-atraido-varias-pessoas-em-maceio/3620814/

.

2º LUGAR

GENTILEZA: Reforma da sede do LACA

Autor: Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Alagoas (ADEMI-AL)

Apresentação

O Lar de Amparo a Crianças para Adoção – LACA, instituição sem fins lucrativos e não governamental, funciona com recursos próprios e através de doações voluntárias de pessoas e empresas. Atua como lar provisório para crianças de 0 a 8 anos e no apoio à adoção, agilizando o retorno à família natural ou o encaminhamento à família substituta. Mesmo após a aquisição de um imóvel, o sonho de uma sede própria parecia distante, pois não havia recursos para sua reforma de modo a abrigar as crianças de forma digna. Abraçando a causa, a ADEMI assumiu a responsabilidade, pela adesão facultativa dos associados e busca de parceiros para a obra, realizada entre abril e agosto de 2014, dotando a casa de capacidade para até 18 crianças.

.

3º LUGAR

GENTILEZA: Projeto Escola Bike Anjo

Autor: Bike Anjo Maceió

Apresentação

Bike Anjos são ciclistas experientes e apaixonados pelo seu meio de transporte que ajudam pessoas que querem aprender a andar de bicicleta na cidade com mais segurança. Podem dar assistência em melhores trajetos para se fazer, acompanhar o ciclista iniciante em suas primeiras pedaladas e ensinar manutenção básica e medidas de segurança no trânsito. E o melhor: o “serviço” é oferecido gratuitamente. Isso mesmo, de graça! Mas por que? Por acreditarem em uma cidade melhor, com um trânsito mais seguro para as pessoas, por meio da educação e orientação, e mais do que isso – porque já foram iniciantes, sabem como é começar a pedalar na cidade.

Mais informações

http://bikeanjo.org/

https://www.facebook.com/pages/Bike-Anjo-Maceió/1397088060581606

 .

CONCURSO CASA PVC

1° Lugar – André Fornari, de Florianópolis.

.

.

2° Lugar – Escritório Vereda Arquitetos, de São Paulo

.

.

3° Lugar – Paulo Victor, de São Paulo

.

.

Menção Honrosa – Igor Ribeiro, de Fortaleza

.

.

Instituto de Arquitetos do Brasil

Departamento de Alagoas

www.iabal.com.br

.

.

.

CONFIRA ABAIXO OS DETALHES QUE NORTEARAM OS TRABALHOS DA XVIII MOSTRA 2014

.

.

APRESENTAÇÃO:

O objetivo é reunir, analisar, discutir, divulgar e destacar projetos executados ou não,

nas categorias abrangidas, de acordo com o que estabelece o regulamento.

Não será estabelecida qualquer restrição quanto à época de elaboração dos projetos concorrentes,

desde que sejam em território alagoano ou, em sendo fora deste,

desde que tenham ao menos um autor do projeto residente e domiciliado no estado de Alagoas.

.

INSCRIÇÕES:

As inscrições deverão ser realizadas mediante o preenchimento do FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

disponível no site do IAB/AL (www.iabal.com.br) ou na sede da entidade (mediante agendamento),

e do respectivo pagamento da TAXA DE INSCRIÇÃO no certame,

por meio de depósito na conta do IAB/AL (Banco do Brasil; Agência: 3332-4; Conta: 41050-0),

devendo ambos ser enviados para iab.alagoas@gmail.com

.

SOLICITE O TEMPLATE PARA DIAGRAMAÇÃO DOS TRABALHOS EM:

iab.alagoas@gmail.com

.

Os valores das taxas de inscrição são os seguintes:

Os arquitetos associados e quites em 2014: R$200,00 (duzentos reais) por trabalho inscrito;

Os estudantes associados e quites em 2014: R$100,00 (cem reais) por trabalho inscrito;

(O valor pago por cada inscrição contemplará a impressão, afixação e logística

de dois painéis padronizados com o respectivo trabalho inscrito,

os quais possuirão dimensões de 0,90×0,60m, cada)

.

CRONOGRAMA:

O certame será composto pelas seguintes etapas:

> Período de Recebimento de Inscrições: de 03 de novembro a 28 de novembro de 2014,

devendo ser realizadas mediante o preenchimento do FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

disponível no site do IAB/AL (www.iabal.com.br) ou na sede da entidade (mediante agendamento),

e do respectivo pagamento da TAXA DE INSCRIÇÃO no certame,

por meio de depósito na conta do IAB/AL, devendo ambos ser enviados para iab.alagoas@gmail.com;

> Recebimento dos envelopes com os trabalhos inscritos: de 01 a 05 de dezembro de 2014, das 14hs às 17hs, na sede do IAB/AL;

> Pré-seleção dos trabalhos inscritos e julgamento dos trabalhos selecionados: 14 de dezembro de 2014;

> Solenidade de Premiação e Exposição dos Trabalhos Selecionados: em evento comemorativo do Dia do Arquiteto 2014, em 15 de dezembro de 2014, com programação a partir das 18h30min, no Auditório Manguaba II, do Hotel Radisson, no bairro de Pajuçara, Maceió/AL;

> Divulgação aberta dos trabalhos premiados: após a premiação, por meio eletrônico e na mídia especializada;

> Exposição itinerante dos trabalhos selecionados: a partir de janeiro de 2015, no Parque Shopping Maceió,

em faculdades de arquitetura em Alagoas e/ou em outros locais a critério do IAB/AL.

.

CATEGORIAS DE PARTICIPAÇÃO:

Os trabalhos apresentados, sejam projetos executados ou não,

deverão ser inscritos por arquiteto coordenador da equipe ou estudante responsável,

para premiação em uma das seguintes categorias:

Edificação Residencial Unifamiliar;

Edificação Residencial Multifamiliar;

Edificação Comercial/Serviços;

Edificação Pública ou Institucional;

Arquitetura de Interiores Residencial;

Arquitetura de Interiores Comercial/Serviços;

Projetos Urbanísticos;

Projeto de Paisagismo;

Estudante.

.

Confira o regulamento completo clicando EDITAL_REGULAMENTO_XVIII MOSTRA 2014

Inscrições Prorrogadas: Confira ERRATA EDITAL_REGULAMENTO_XVIII MOSTRA 2014_20 11 2014

Ficha de Inscrição clicando FICHA DE INSCRIÇÃO_XVIII MOSTRA 2014

.

.

.


Estande do IAB na FEICON NE 2014 foi um sucesso! Confira!

A parceria IAB e FEICON NE 2014 foi um sucesso!

Os IABs de Alagoas, Pernambuco e Paraíba integraram um estande cultural na FEICON NE 2014,

que se realizou de 22 a 24 de outubro de 2014, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Recife/PE.

O estande contou com momentos interativos de palestras e debates,

abordando temas atuais e práticos para nossa profissão, com palestrantes de AL, PB, PE e PR.

Os temas abordados foram diversificados e tiveram público assíduo!

Temas das palestras:

Iniciação Profissional (Sou arquiteto, e agora?) – Arq. Vivaldo Chagas (FNA/AL)

Inserindo Estruturas Metálicas no seu Projeto – Eng. Djaniro de Souza (Gerdau/PE)

Acessibilidade em Projetos Residenciais – Arq. Bárbara Cereja (PE)

Regularização de Superfícies e Aplicação de Pisos Vinílicos – Empresa Kapazi (PR)

Luz, Saúde e Qualidade de Vida – Arq. Márcia Chamixaes (IAB/PE)

Arquitetura Pré-fabricada e as novas Agendas Sociais e Ambientais do Brasil – Empresa Interblock Artefatos de Concreto

Sustentabilidade começa na escolha do Arquiteto – Arq. Fabiano Melo (IAB/PB)

 

 

 

 

Feicon_Batimat_Nordeste_FALTA_MENOS_1MÊS

FEICON_BATIMAT_NORDESTE_IAB















  • Cadastre-se para receber nossa newsletter.

  • Contador de Acessos:
    Contador de visitas